Se hospedar no Chile com Airbnb é caro?

 


Vamos hoje falar de uma análise exploratória que fiz sobre usar uma locação de imóvel para estadia no CHILE com Airbnb.

Para quem não sabe, o Airbnb é uma plataforma de locação de imóveis por tempos curtos, diretamente com o proprietário, como alternativa ao convencional aluguel de quarto de hotel.

A plataforma está presente em quase todos os países, emprega mais de 5 mil pessoas, e em 2020 sua receita havia ultrapassado os US$ 3.378 bilhões.


O LOCAL ANALISADO

O CHILE é um país que margeia a costa do pacífico na América do Sul, e tem sido um destino comum dos Brasileiros que desejam viajar para fora do país.

Seu litoral tem extensão de mais de 6 mil Km e se estende até perto da Antártida, aonde reclama soberania sob 1.250 mil Km².

 


Um dos destinos mais procurados por turistas são as estações de esqui La Parva, que é uma cidade e estação de esqui localizada a cerca de 50 km a nordeste da capital chilena de Santiago. Fica no cume do meio dos resorts "3 Vales", que também inclui El Colorado e Valle Nevado.


Ainda no norte do país, outros destinos muito admirados e visitados são os Lagos Atiplano, Vale da Lua, Lago Chungará, Vulcões Parinacota e Pomerape (mais de 6 Km de altura), e claro, outras estações de esqui, como as famosas Valle Nevado e Portillo.

Ao sul podemos citar a Patagônia Chilena, Parque San Rafael (geleiras), Arquipélago de Chiloé e Ilha de Páscoa.


Moais na Ilha de Páscoa, na Polinésia


A ANÁLISE DE DADOS

Usamos para esse estudo uma base de dados REDUZIDA do CHILE cedidas pela Airbnb, a qual está datada de agosto/2020.

Essa base nos traz pouco mais de 9 mil registros de imóveis para locação temporária no país, bem como 17 categorias de informações sobre cada registro.

O estudo é uma analise de dados pura, ou seja, captura > tratamento > carregamento > interpretação de dados. 

Nesta oportunidade não foram aplicadas técnicas de aprendizado de máquina (inteligência artificial).

Como o estudo foi elaborado?

Limpamos os dados, retirando os "pontos fora da curva", e ordenamos os dados para facilitar a leitura, e por sua vez o entendimento.

Esses pontos fora da curva, denominados outliers, são imóveis com quantidade de pernoites maior que 21 dias, e com valores zerados ou maiores que 95% dos registros.

Com essa limpeza nossa base reduziu em 800 linhas, representando 8% de nossos dados.


Conclusão

O estudo aponta que em AGO/2020, haviam muitas opções para "se hospedar" no Chile na faixa dos 200 a 300 Reais, que é uma faixa de valores interessante para o turista brasileiro. 

O local mais caro que pudemos identificar, foi a cumuna (bairro) de Lo Barnechea na cidade de Santiago, com custo mediano de mais de R$ 1.2 mil por noite. 

Los Trapenses, Lo Barnechea

Compartilhando o código fonte

O algoritmo desenvolvido em Python está disponível no Github, o qual recomendamos que você faça o Download, pois algumas funcionalidades (como folium) não funcionam bem no GITBUB.


Forte Abraço


Conheça mais sobre meu trabalho

joviano.com joviano.com joviano.com joviano.com joviano.com

Cursos que eu fiz para você!

joviano.com


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Maratona Power BI com Python

Traduza informações de seu dataset

Queimadas no Brasil [2012 a 2019]